É Royalmente importante comunicar…

… a partir da infância.

A aprendizagem de uma segunda língua durante a infância já não oferece dúvidas naquilo que às vantagens concerne. Neste campo, há quase 30 anos que a Royal School of Languages compreendeu aquilo que especialistas têm referenciado ao longo de muitos anos de estudo sobre esta matéria – aprender uma segunda língua faz bem e contribui, a vários níveis, para o bom desenvolvimento das crianças. Por isso, dispõe a Royal School of Languages, no rol dos serviços que oferece, de profissionais que se dedicam ao ensino, sobretudo do inglês, a crianças, a partir dos 3 anos de idade.

É extraordinário constatar que, a partir desta idade, a criança tem já uma imensa predisposição cognitiva para absorver uma nova língua, para além da materna. Aprende de uma forma mais intuitiva, assimilando, deste modo, significados que, rapidamente, associa a outros e assim, nesta junção vai criando orações que se desenvolvem em estruturas frásicas. Ainda que curtas, estas estruturas resultam em capacidade positiva de comunicação e, com facilidade, desenvolvem em complexidade.

Numa fase posterior, já em período de alfabetização, a aprendizagem de uma nova língua contínua a ser benéfica e permite à criança assimilar, em simultâneo, as características da nova língua, ao mesmo tempo que desenvolve a aprendizagem do seu idioma nativo. Este processo serve de estímulo ao cérebro e permite à criança desenvolver a aprendizagem com fluência, com maior autoconfiança, de uma forma mais consolidada e com melhor pronúncia, para além de abrir caminho para a possibilidade de introduzir outras línguas. Contudo, se a introdução da nova língua se fizer num período anterior a esta da alfabetização, então a criança já apresentará, à priori, condições mais potenciadas e desenvolvidas.

Na Royal School of Languages temos a absoluta convicção que a aprendizagem de uma segunda língua deve incluir uma metodologia lúdico-pedagógica, com a inclusão de jogos variados, canções, muito suporte visual, muita cor, alegria, sem excluir o recurso às novas tecnologias e aos suportes digitais. Nesta fase, é crucial que a aprendizagem seja uma experiencia amplamente positiva. É importante que a criança aprenda com gosto!
Naturalmente, há muitas outras vantagens transversais a todas as fases da infância e que, certamente, trarão muitos benefícios seja em contexto individual, seja em contexto social. Nesta medida, destacamos:
• Melhora a memória e a atenção e ajuda o cérebro a manter-se focado.
• Permitir ter uma fluência mais próxima do nativo ao entrar na adolescência.
• Maior autoconfiança no momento de comunicar.
• Maior sentido de tolerância na interacção com outras culturais
• Melhor compreensão da realidade mundial.
• Melhor currículo e maior possibilidade de promoção profissional na vida adulta.
Com isto tudo, ainda não inscreveu o seu filho numa Royal School fo Languages perto de si?

Catharine Antunes

28 Nov 2017
Siga-nos em
2019 © Royal School of Languages